E é bonita!

 

tumblr_lvt16of2SS1qcnhm8o1_500

 

Ei, pequena, vem cá, vem! Chegue mais perto, me diga umas indecências ao pé do ouvido e fique até mais tarde, vai. Me empreste tua companhia, deixe tuas coisas ali em cima, tire os sapatos e termine esse texto comigo! Inverta tuas escolhas por mim, enquanto ninguém repara! Faça do meu corpo objeto dos teus desejos, enquanto eu deixo tu me colocares outra vez na rota dos que sentem fome e me comem pelas beiradas.

Mas não me deixe dúvidas nem me cause medo. Fale sorrindo do teu dia e seja inteiramente despretensão. Me puxe pelos braços, me leve pra dançar. Repasse comigo outros passos, que os meus eu tô cansado de ensaiar. Enquanto isso, ponha a mão aqui, mas sem machucar, tá? Isso, exatamente assim… Agora perca essa vergonha e repita o movimento sem parar.

Mas, querida, não se faça de doida! Nem pense em me deixar sozinho aqui. Espere essa música terminar, que sozinho eu não acerto o tom, o compasso, muito menos teu endereço. Diga que está bem e que meu perfume é o teu preferido. Se abra pra mim, veja que é bom. Faça de um jeito com que eu esqueça toda vida lá fora. E quando a festa acabar, me carregue pra aonde tu fores, que eu tô cansado de ser só. Feche o quarto, apague a luz, deite comigo, brinque de efêmera e repita que vai passar. Mas quando passar, repita que vais voltar.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s