Paralelos

Paralelos

Eu nem te pedi férias. Nunca quis me livrar.
Você entendeu errado. Quem padeceu fui eu.

Tentei chegar mais perto. Meu grito foi para você ficar.
Mas você se deu o direito. Tampou os ouvidos e escapou.

Éramos dois. Agora somos sós. Como você sempre quis.
Impaciência minha. Egoísmo teu.

Extremos e incompatíveis. Amarrados pela distância.
De divergentes conceitos. Do que é sentir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s