Em outras palavras

 

Já existiu o tempo dos questionamentos, dos aborrecimentos, do completo descontentamento por uma vida inteira de sentimentos demonstrados pela metade, quando demonstrados.

 

Já existiu o dia de sofrer sozinho, de chorar escondido, de amar calado. Existiu também as horas de palavras nunca pronunciadas, assuntos nunca comentados e abraços abortados pela lei vergonhosa da distância imposta por nós mesmos.

 

Não tenho a mínima ideia de como sejam as relações cultivadas na casa alheia, na sala do vizinho, no apartamento do outro lado da rua. Se são melhores ou piores, mais intensas ou mais escorregadias que as respostas do que nunca se quer dizer, pouco me importa.

 

Sei bem é de cada olhar desconfiado, de cada declaração partida ao meio. Conheço profundamente cada entrelinha do que por boca nenhuma foi dita e de toda a dificuldade de se amar num espaço em que as palavras já nasceram aptas a desaparecer quando mais precisamos delas. Sim, existiu. No mais perfeito pretérito de um antigo relacionamento que não mais é.

 

E mesmo que apenas soe como um desabafo ou uma queixa dos meus últimos 24 anos, escrevo mesmo para confrontar tudo o que foi estabelecido até aqui. Para enfrentar o silêncio falando. E gritar na cara o amor que nunca faltou, mas também não foi dito.

 

Para redigir letra por letra um sentimento que, talvez, eu só tenha sentido. Registrar o que em todo tempo foi verdadeiro. Velado, mas verdadeiro. E resumir num só texto as inúmeras tentativas de falar.

 

Apenas para lhe dizer que todas as vezes que eu quis realizar sonhos mais seus do que meus e todas as vezes que eu procurei ser o filho mais exemplar, só quis em outras palavras dizer: Te amo, Pai.

 

(Escrevi esse texto no dia dos pais de 2011. Ele gostou, claro)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s